Comunicação visual interna: 5 erros que você não pode cometer. Foto/Reprodução: SeventyFour no iStock

Comunicação visual interna: 5 erros que você não pode cometer

Sem dúvidas, um dos principais pontos que devem ser levados em consideração em um estabelecimento empresarial é a comunicação visual interna. É através dela que o público interno (ou até mesmo externo, em algumas ocasiões) será sinalizado e/ou orientado.

Seja como for, é preciso ter certo cuidado no momento de desenvolver esses produtos. Por isso, preparamos este post com alguns dos erros mais comuns que você não deve cometer quando o assunto é comunicação visual interna. Continue a leitura para descobrir!

Não manter o padrão da comunicação visual

O segredo de uma boa comunicação visual interna é a personalização. Se você possui uma identidade visual no seu negócio, lembre-se de utilizá-la. Inclusive, se não possui, é uma boa ideia começar a pensar nela.

Você precisa oferecer uma experiência completa e satisfatória tanto ao seu colaborador como cliente. Mostre que você se preocupa com os mínimos detalhes. Com toda certeza, isso será refletido nas vendas e resultados.

Então, imagine a seguinte situação: a placa que indica que o sanitário quebrou e você precisa substituí-la. Não basta ir em qualquer local que ofereça a opção. Ela precisa ser feita especialmente para o seu negócio.

Impressões sem qualidade

Empresas especializadas possuem materiais de primeira qualidade. Sendo assim, se você costuma ir a um local de impressões comuns, por exemplo, com o intuito de imprimir cartazes que serão utilizados internamente, como sinalização, repense!

O resultado, quase sempre, não é tão satisfatório quanto poderia ser se o produto tivesse sido feito por uma máquina especial. Pode haver problemas nas cores, fontes e até mesmo tamanho.

Sendo assim, não apenas seu dinheiro será desperdiçado como também o padrão visual do seu negócio estará comprometido.

 

Comunicação visual interna: 5 erros que você não pode cometer. Foto/Reprodução: 3D Comunicação Visual

 

Não levar em consideração as fontes escolhidas

Inegavelmente, existe uma infinidade de opções quando o assunto é tipo de fonte. Dessa forma, precisamos concordar que é possível encontrar aquela que mais combina com o seu negócio. No entanto, você precisa levar em consideração um ponto muito importante: a legibilidade.

Justamente por existirem tantas opções, é fácil se perder e escolher uma apenas pela beleza. Mas, nem sempre a mais bonita é a melhor. Antes de mais nada, você deve pensar se as pessoas conseguirão entendê-la e o intuito do texto não irá se perder.

Muita informação em pouco espaço

Principalmente conteúdos de sinalização estão ali para serem práticos e fáceis de entender. Então, de nada adianta criar uma peça com muita informação, que não pode ser lida na pressa. Lembre-se: o excesso de informações também pode ser prejudicial.

Ao pensar na comunicação visual interna, tenha em mente a objetividade e clareza. Vá direto ao ponto e deixe maiores informações para peças como banners, por exemplo.

Não trabalhar com uma empresa especializada para fazer sua comunicação visual interna

Sabe quem pode resolver todos esses problemas e garantir que você não cometerá nenhum erro quando o assunto é comunicação visual interna? Uma equipe especializada no assunto, como a nossa, da 3D Comunicação Visual.

Entre em contato conosco agora mesmo para tirar qualquer dúvida que possa ter sobre o assunto!

COVID-19

Sabemos que o país está passando por uma situação que exige cuidado e cautela. Seguimos com nossas atividades, mas redobramos a atenção com o protocolo de higienização, de acordo com a OMS, para garantir que tudo saia como você planejou para o seu negócio.  Vamos superar o cenário atual e estamos sempre prontos para produzir!

Continue ligado nas nossas redes para mais informações.